O novo perfil dos alunos: 5 comportamentos que sua IE precisa conhecer!

Se realizarmos uma comparação entre o perfil do estudante de 10 anos atrás e o atual, veremos que muita coisa mudou. Por isso, utilizar estratégias “desatualizadas” já não é suficiente para se relacionar com potenciais e atuais alunos. Entenda agora, qual o novo perfil dos alunos do século XXI e como as equipes da sua instituição de ensino podem estruturar ações que “conversem” com eles de forma eficiente e personalizada. 

Neste conteúdo, vamos dar uma olhada em 5 comportamentos de alunos que possuem o perfil do século XXI. Nosso objetivo é ilustrar como sua instituição de ensino pode desenvolver estratégias mais direcionadas, dentro e fora da sala de aula. Boa leitura e ótimos insights!

De lá para cá, muita coisa mudou…

Se você conferiu o nosso conteúdo sobre Educação 4.0, já deve saber que os tempos mudaram e o cenário educacional também! As tecnologias avançaram e os alunos já não apresentam mais o mesmo perfil e comportamento de antes.

Se voltarmos no tempo, certamente lembraremos da “urgência” em copiar toda a matéria antes que a professora apagasse, do giz riscando o quadro negro, do comparecimento à instituição de ensino para realização da matrícula… De lá para cá, tanta coisa mudou, o mundo modernizou e as instituições de ensino inovaram e se adaptaram à essa nova realidade. 

Falando especificamente dos alunos, percebemos a alteração na forma como se comportam, adquirem e reagem aos produtos e serviços educacionais. Isso acontece devido às mudanças desencadeadas e impulsionadas por diversos fatores, tais como o avanço das tecnologias, a dinâmica do mundo moderno, o compartilhamento de informações em tempo real, as necessidades de adaptação, entre outras.

A seguir, elencamos algumas das principais mudanças no que tange o  novo perfil dos alunos que você e a sua equipe precisam conhecer a fundo, pois somente assim poderão criar estratégias ágeis e personalizadas. Vamos lá?

O novo perfil dos alunos: desvendando comportamentos para a criação de estratégias

Reunimos abaixo algumas características marcantes do novo perfil dos alunos. Ao analisá-las e conhecê-las, é possível direcionar os profissionais do time de captação de alunos e da equipe psicopedagógica para que saibam exatamente o que oferecer.

Alunos com o perfil do século XXI…

  • Estudam com os polegares

Apesar de parecer estranho, é a realidade: seus potenciais e atuais alunos estão conectados 24 horas por dia! 

Através de poucos cliques, eles estão em contato com qualquer tipo de conteúdo. Utilizam os polegares para acessar informações sobre a sua instituição de ensino, reviram o seu site e “julgam” suas redes sociais. Sim, essa é a realidade! 

Além disso, esses estudantes querem facilidade, não estão dispostos a esperar muito tempo para um vídeo carregar e não irão “curtir” o seu post nas redes sociais se não enxergarem valor. 

> QUAL A DICA?

É preciso que sua equipe seja dinâmica: invista no ambiente on-line, seus potenciais e atuais alunos estão lá!

Além disso, site e blog devem ser intuitivos, otimizados e atualizados. E, nem precisamos mencionar que precisam atender eficientemente a opção mobile, não é mesmo? 

Outro fator importante é a experiência digital gerada por seus canais de aquisição: eles precisam conduzir o estudante até o seu objetivo. Ademais, suas redes sociais devem fornecer uma visão mais próxima da sua instituição de ensino.

Por fim, falando especificamente do portal do aluno, percebemos a importância de ser intuitivo e disponibilizar informações e documentos de forma fácil e rápida. 

  • Substituem a cópia manual por fotos do quadro

O novo perfil dos alunos é altamente ágil, propenso a mudanças e inovador. Muitos deles não fazem anotações e optam por tirar fotos do quadro ao invés de “gastar” tempo copiando o conteúdo à mão. Sabemos que essa prática pode ser maléfica, mas apesar disso, é muito utilizada por diversos alunos.

Há também aqueles estudantes que realizam resumos e anotações, mas em um documento virtual armazenado na nuvem para que tenham acesso quando precisar.

Além disso, muitos baixam os livros em pdf direto em seu smartphone e, assim, não correm o risco de esquecer o material.

Sabe o que isso nos revela? Que a grande preocupação dos estudantes não está em “se preparar para a aula”, mas sim em aprender o conteúdo.

> QUAL A DICA?

Sempre que puder, disponibilize materiais on-line. Seja pdfs, slides ou a digitalização de atividades, isso facilita a comunicação ágil e permite que os estudantes ganhem mais tempo.

Converse acerca dos benefícios de realizar anotações ao longo da aula e como elas podem contribuir para o posterior entendimento do conteúdo. 

Se puder, disponibilize vídeos curtos com explicações e orientações. Conteúdos em vídeos são altamente persuasivos e estimulam uma maior compreensão.

A seguir, veremos mais sobre o novo perfil dos alunos, mas antes, veja só esse convite especial que separei para você!

Receba insights valiosos e gratuitos do cenário educacional!

Entre para o nosso grupo privado e receba insights poderosos sobre os principais acontecimentos do cenário educacional, boas práticas para captação de alunos, Gestão da Permanência e Marketing Educacional. Tudo isso, gratuitamente, diretamente em seu e-mail. 

QUERO RECEBER NOVIDADES DA RUBEUS

Junte-se a uma rede de profissionais que possuem o mesmo objetivo que você! Venha crescer junto com a gente!

  • Querem resposta em tempo real

Em um mundo altamente conectado, os estudantes querem respostas rápidas. Demandam interatividade e agilidade, seja em uma comunicação mais informal via Instagram com o intuito de tirar dúvidas ou no questionamento de alguma questão da tarefa avaliativa no portal do aluno.

Além disso, já passou o tempo em que os estudantes “esperavam pacientemente” por sua nota. Hoje, eles cobram os professores que demoram a disponibilizar as informações.

> QUAL A DICA?

A interação e o bom atendimento devem ser princípios trabalhados por sua instituição, em todas as esferas: equipes de atendimento, direção, professores, demais funcionários… É por meio da comunicação que o relacionamento é criado e mantido.

Mas como fazer isso de forma otimizada e personalizada? A resposta pode estar na utilização de chatbots.

Através dos chatbots na educação, é possível incentivar a participação ativa dos alunos (e até mesmo potenciais alunos), que podem perguntar a “qualquer hora” sem receio.

Todos esses benefícios juntos e sincronizados são capazes de construir uma experiência altamente positiva. E já sabemos como uma experiência memorável é fundamental para o sucesso da captação de alunos, não é mesmo?

Saiba mais sobre as vantagens do chatbot na educação! Leia nosso conteúdo detalhado sobre o tema:

  • Querem professores altamente dinâmicos

Já sabemos que o mercado educacional está altamente pulverizado e que o aluno decide se fica ou não na instituição de ensino de acordo com a experiência vivenciada. Sabe o que isso significa? Que ele tem poder de escolha e um fator essencial para que ele permaneça é o ensino de qualidade

O novo perfil dos alunos quer professores inovadores e ágeis que agreguem tecnologias e metodologias ativas às aulas. Em outras palavras, querem professores dinâmicos que promovem o aprendizado de forma interativa. Afinal, o conteúdo teórico eles aprendem através de aplicativos de ensino-aprendizagem. 

Atualmente, a internet é um mundo e disponibiliza conteúdos sobre uma imensidão de temas. Os estudantes podem ter acesso a qualquer hora e em qualquer lugar. Na sala de aula querem inovação. 

QUAL A DICA?

A educação está se adaptando às novas metodologias e formas de ensino-aprendizagem. Especificamente no caso dos professores, percebemos uma mudança significativa no papel exercido dentro e fora da sala de aula. Já não basta apenas professores experientes, é preciso que o educador inove e seja flexível!

O perfil do professor do futuro contempla habilidades interpessoais e de comunicação com o objetivo de promover relacionamentos significativos com alunos, funcionários e pais. 

O professor que sabe se comunicar possui a capacidade de individualizar o ensino de forma consistente, com base nas necessidades e interesses do aluno.

Entenda mais sobre o perfil do professor do futuro. Clique na imagem abaixo e aproveite as nossas dicas!

Perfil do professor do futuro - Rubeus
  • Realizar pagamentos on-line

Sua instituição de ensino ainda não oferece a possibilidade de pagamento on-line? Então fique sabendo que logo logo estará para trás!

O pagamento on-line já virou rotina na vida das pessoas e na dos estudantes não é diferente. 

Entenda: requerer que o potencial aluno pague o boleto presencialmente é como colocar vários impeditivos ao longo do seu caminho. Não permitir que o aluno pague sua mensalidade através de poucos cliques é fazê-lo desanimar.

A era digital implicou em grandes impactos na maneira de consumir produtos e serviços. Dentre as transformações ocorridas, está a revolução digital nas formas de pagamento no cenário educacional. 

QUAL A DICA?

Invista em formas flexíveis de pagamento! Ofereça possibilidades, agregue facilidade e agilidade ao seu setor de Finanças. 

Saiba mais sobre a importância dessa adaptação lendo este conteúdo detalhado sobre o tema:

Dicas curtinhas (e úteis) pra você!

Já que o nosso assunto é sobre o novo perfil dos alunos, não podemos deixar de mencionar sua relação com o ensino remoto!

O ensino remoto já é realidade e ele veio para ficar! Seja através do EaD ou do ensino híbrido, sua instituição de ensino precisa se adaptar a essa demanda requerida pelo novo perfil dos alunos. 

Como vimos, os alunos demandam aulas interativas e modernas, mas em muitos casos precisam de um estímulo para se envolver. Então, o que fazer quando eles não abrem as câmeras? Nós te contamos agora! 

📌 Estabeleça combinados: explique a dinâmica do que ocorrerá naquele dia e combine que você espera que eles participem com a câmera ligada.

📌 Lembre-os de que podem usar fundos coloridos ou personalizados, caso não queiram mostrar o fundo da casa.

📌 Deixe claro o motivo da importância de eles participarem, mesmo que por alguns minutos, com a câmera aberta, esse diálogo é imprescindível.

📌Para os mais resistentes, converse. Há vários motivos que levam o estudante a não querer abrir a câmera de jeito nenhum. Diálogo franco e aberto é fundamental!

Considerações finais

Espero que você tenha gostado do nosso conteúdo sobre o novo perfil dos alunos!

Para tornar a sua experiência ainda mais completa, te convidamos a compartilhar esse blog post com alguém. Afinal, uma equipe que aprende junto,  cresce mais rápido. 😉

Plataforma Rubeus

Ajude-nos a melhorar ainda mais esse conteúdo! Comente o que achou! 

Até a próxima!

Bráulio Vieira - Rubeus