Aprender em casa pode ser um grande desafio para as crianças, principalmente quando essa nova realidade é imposta por fatores externos, como é o caso da pandemia causada pelo novo coronavírus. Além das crianças, os pais e/ou responsáveis também precisaram se adaptar à nova realidade. Mas como promover uma boa educação mesmo com tantos desafios e inexperiência? Com o objetivo de responder a esse questionamento, neste conteúdo ilustramos algumas dicas sobre o cenário da educação infantil em tempos de pandemia. Confira!

E tem mais! Elencamos alguns materiais complementares ao longo do conteúdo para tornar a sua experiência mais completa! Já aproveitamos para te convidar a nos contar a sua opinião sobre o assunto ao final do blog post através de um comentário, combinado? Isso nos ajudará a ficar mais perto de você e a enriquecer ainda mais este material! 

Introdução

O setor educacional está sofrendo fortemente em razão dos diversos fatores externos, tais como: profissionalização da concorrência direta, dificuldade de aderência dos seus produtos (currículo e metodologia) com as novas necessidades do mercado, diminuição da demanda devido às crises econômicas e menor incentivo do Estado. Além de tudo isso, também há os desafios impostos pela pandemia do coronavírus. 

Diversos desafios e adaptações foram requeridas às instituições de ensino, expondo as que estavam preparadas e àquelas que precisam se adaptar rapidamente para não fecharem suas portas.

No que tange a educação infantil, pais e/ou responsáveis, em conjunto com os professores e a equipe das IEs, tiveram de desenvolver novos métodos e formas de dar continuidade ao processo de ensino-aprendizagem. 

Ilustração

Isso acontece porque em momentos difíceis como este, é preciso traçar ações inteligentes e práticas. Pensando nisso, preparamos este conteúdo com dicas valiosas sobre o cenário da educação infantil em tempos de pandemia. Vem se atualizar comigo, pegue um café e vem!

O cenário da educação infantil em tempos de pandemia

Em resposta à demanda significativa, muitas instituições de ensino optaram pelo ensino no formato EAD, ao passo que outras optaram pelo ensino híbrido. Há aquelas também que interromperam por tempo indeterminado as aulas. 

Independentemente de qual foi a postura adotada, uma coisa é certa: marcas profundas estão sendo deixadas no cenário educacional, revelando desigualdades e uma grande necessidade da IE estar preparada para imprevistos de todos os tamanhos. 

Em nosso conteúdo Evasão de alunos em tempo de coronavírus: ações práticas e urgentes ressaltamos que em todas as esferas de atuação é imprescindível estar atento aos movimentos do mercado – que podem ser bastante sutis.

Por isso, a agilidade faz toda a diferença nesse momento. Isso porque, o quanto antes for detectada uma necessidade de adaptação, mais rapidamente a instituição de ensino pode agir, minimizando, dessa forma, os seus potenciais impactos negativos.

Ilustração

Especificamente no segmento de educação infantil, é preciso que a instituição de ensino tenha a atenção redobrada, revelando a necessidade de uma análise detalhada de ações voltadas para o cenário da educação infantil em tempos de pandemia. 

Isso acontece porque a educação infantil sofre impactos iguais ou ainda mais desafiadores se comparados ao ensino superior. Assim, nesses casos, é preciso mapear ações específicas, pensadas e desenvolvidas para a continuidade do ensino de qualidade das crianças.

Por que é importante garantir a continuidade do aprendizado das crianças apesar do fechamento das escolas?

Sabemos que o desenvolvimento dos pequenos ocorre, em grande parte, nos primeiros anos de vida. Isso significa que o cérebro é particularmente desenvolvido nos primeiros anos de vida. Por isso, possíveis atrasos no desenvolvimento durante este período implicam em consequências ao longo da vida em termos de habilidades de aprendizagem.

Vale ressaltar que certas habilidades são de suma importância serem incentivadas e trabalhadas nos primeiros anos de vida, tais como as habilidades motoras. Portanto, especialmente na educação infantil, é primordial garantir um processo de aprendizagem contínuo mesmo em casa.

Ilustração

Mas, como promover um aprendizado eficaz em tempos de aulas remotas e distanciamento social? A resposta para essa pergunta está na parceria eficiente entre a escola e os pais/responsáveis.

Através de ações planejadas especificamente para a educação infantil torna-se possível promover um eficaz processo de aprendizagem em casa. Veja nossas dicas de como fazer isso a seguir!

Quantas horas são necessárias para garantir uma aprendizagem significativa?

É difícil definir uma quantidade específica de horas diárias ou semanais. Isso porque o tempo e o ritmo de aprendizagem não é o mesmo para todas as crianças. Por isso, essa sensibilidade deve ser percebida naturalmente pelos pais/responsáveis. 

Ao longo da dinâmica da realização das atividades, os pais devem ficar atentos e saber identificar quando a criança realmente associou o conteúdo. Além disso, é importante que esse feedback seja compartilhado com os professores.

Quais ações devem ser realizadas com a finalidade de incentivar o aprendizado em casa?

1) Pais e escola devem trabalhar juntos

Nossa primeira dica quando o assunto é o cenário da educação infantil em tempos de pandemia envolve os pais!

Como vimos acima, neste momento mais do que em qualquer outro, a parceria entre pais e escola é essencial para garantir um resultado positivo quando o assunto é o cenário da educação infantil em tempos de pandemia.

Isso significa que os responsáveis serão a ponte entre o conteúdo que a escola promove e a criança. Por isso, é importante criar ações de proximidade entre ambas as partes. Para isso, aposte em reuniões periódicas e um grupo no WhatsApp para compartilhamento de informações e conteúdos, por exemplo.

2) Explore conteúdos interativos

 A dica aqui é criar vídeos bem lúdicos e uma agenda diária para os pais. Isto é, organizar-se. Isso significa que, neste momento, sua escola precisa apontar a direção para os pais. 

Ao criar um conteúdo, os professores devem deixar bem claro o que deve ser feito. Por isso, explique e enfatize questões como prazos, formas de realização da atividade, objetivo da tarefa, formas de explorá-la etc. 

3) Incentive que os pais estabeleçam uma rotina

Sabemos que, muitas vezes, pode ser desafiador estabelecer uma rotina de estudos, principalmente em casa. Isso porque esse é um local no qual as crianças normalmente associam a um local de descontração e descanso e não de estudo.

Por isso, a dica aqui é incentivar que os pais estabeleçam uma rotina regrada, ou seja, um momento específico reservado para as crianças estarem focadas nas tarefas da escola. 

Disponibilize orientações e dicas para facilitar esse processo.

Ilustração

4) Dê uma nova perspectiva a ações rotineiras

Atividades rotineiras podem ser transformadas quando damos uma nova perspectiva a elas. 

Ações simples como lavar as mãos, por exemplo, é uma ótima forma de promover um maior entendimento sobre a prevenção de doenças. 

5) Utilize os jogos 

Conforme ilustramos no conteúdo Como aplicar a gamificação na educação: 5 dicas para gamificar a sua aula, utilizar a metodologia dos jogos pode ser bastante atrativo para os pequenos. 

Jogos e atividades com foco na construção e no planejamento de elementos são poderosos para o desenvolvimento de habilidades motoras. Além disso, os pais podem incentivar o progresso das crianças através da perspectivas de “fases”, conforme acontece nos jogos. Isso, com certeza, irá atrair a atenção dos pequenos. 

A seguir veremos mais dicas sobre o cenário da educação infantil em tempos de pandemia, mas antes eu tenho um convite para você!

Uma pausa rápida para um convite especial!

Sabemos que o cenário educacional envolve muitas notícias e novidades que ocorrem rapidamente. Para tentar ajudar as instituições de ensino, reunimos as news quentinhas e enviamos diretamente via e-mail.

Junte-se a nossa rede de contatos e receba nossas novidades, gratuitamente e com prioridade. Além de dicas, nós disponibilizamos também notícias, conteúdos e insights sobre o cenário educacional. Para fazer parte do grupo, é só clicar na imagem abaixo!

QUERO RECEBER NOVIDADES DA RUBEUS

6) Contação de histórias

Ler para crianças ou inventar histórias é altamente recomendado. Isso acontece pelo fato de ajudar a desenvolver habilidades de compreensão auditiva e o desenvolvimento e ampliação do vocabulário. 

Através da metodologia de Storytelling é possível tornar todo o processo de contação de histórias bem atrativo. Ao longo desta prática, as crianças devem ser encorajadas a fazer perguntas, contar histórias ou até mesmo adicionar a sua perspectiva a elas. 

7) Lembre que esse é apenas um momento, vai passar

Sabemos que quando estamos muito focados em algo tendemos a esquecer o que está por vir. Por isso, lembre sempre aos pais e/ou responsáveis que esse é um momento e que, em breve, vai passar e, por isso, é importante que todos se mantenham firmes. 

Ilustração

E aí, gostou?

Espero que esse material tenha sido útil para ajudar no seu dia a dia! Para tornar a sua experiência ainda mais completa, eu tenho um material complementar para você! 

Estou falando da live Transformação Digital na área educacional que a Rubeus realizou em parceria com Guilherme Garritano, publicitário e sócio da Agência Chave Mestra.

Para conferi-la, basta clicar na imagem abaixo! 

Live Rubeus

Agora queremos saber de você! Quando o assunto é o cenário da educação infantil em tempos de pandemia, sua IE já pratica alguma das dicas descritas acima? Conte-nos nos comentários!

Até a próxima! 😉

Receba dicas de captação e retenção de alunos!

Receba quinzenalmente dicas, ideias e inspirações sobre como captar e reter alunos de forma sustentável.

Tenha acesso a ferramentas, processos e boas práticas para tornar sua instituição de ensino referência no mercado educacional.