Marketing educacional: a estratégia perfeita para vender cursos pela internet

Um dos fatores primordiais para um bom marketing educacional é oferecer uma boa experiência para seus clientes e potenciais clientes.

Com certeza você já passou pela experiência de se interessar por um produto, entrar no site da empresa que o vende e ficar completamente perdido! Você não sabe por onde começar, pois é difícil encontrar as opções que deseja, já que o site não é nada funcional. Esse problema é muito comum, pois muitas pessoas não entendem a importância de se criar um ambiente prático e intuitivo.

É típico de sites educacionais, que se propõem a vender cursos pela internet, apresentarem esse defeito. O lado negativo é que compromete a receita, e o impacto negativo tende a aumentar com o passar do tempo. É nessas horas que entra o Marketing Educacional. Você poderá obter mais respostas, porque ele deixa o caminho livre para atingir diretamente seu objetivo. Saiba mais a seguir.

Consequências de um site ruim

Quando acontece de você cair em um site “bagunçado”, a imagem da empresa ou do proprietário não fica manchada? Se você deseja um serviço ou um produto, poderá começar a duvidar da qualidade e até desistir da compra. Agora pense nesses pontos para o caso de sites voltados à educação. A importância de obter mecanismos práticos para gerar leads é ainda mais importante, pois você estará lidando com estudantes interessados em aprender. Normalmente são pessoas instruídas, com um senso crítico mais apurado.

Marketing educacional: a estratégia perfeita para vender cursos pela internet
Marketing educacional: a estratégia perfeita para vender cursos pela internet

Muitos estudantes reclamam dos portais de universidades, alegando que eles são complexos e nada amigáveis. Isso é perceptível quando entramos em alguns endereços da web. Logo percebemos que os desenvolvedores não se importaram em criar um espaço exclusivo para o pré-vestibulando, por exemplo. Além disso, colocam muitas informações na tela, em letras miúdas, com opções clicáveis em todo canto possível. Misturam, em um só ambiente, o espaço dos estudantes veteranos, calouros, docentes, visitantes e pré-vestibulandos. Como resolver?

A solução com o Marketing Educacional

A página inicial do site é como a fachada na entrada de uma instituição. Ao invés de investirem na estética e na funcionalidade, com portais de acesso evidentes e opções claras, os desenvolvedores têm apostado na complexidade. Se seu objetivo é vender cursos pela internet, por exemplo, deverá facilitar o caminho do visitante para a página de vendas. Além disso, precisa capturar (de forma amigável!) seu e-mail para promover o contato.

Ao invés de se ter um sistema arcaico, lento e rígido, tem-se um ambiente moderno, prático e rápido. A conquista do aluno ou cliente será mais rápida, as vendas serão melhores e a imagem da marca ganhará com isso.

Crie soluções específicas para cada tipo de visitante. Se os sites de universidade aplicassem isso, os alunos estariam muito mais satisfeitos e não perderiam tanto tempo “investigando” como chegar ao que lhes interessa. Invista num design claro e organizado hierarquicamente, de maneira que o mais importante seja mais bem notado. Além disso, o site precisa ser responsivo, ou seja, funcionar em qualquer aparelho, seja computadores, smartphones ou tablets.

Todas essas soluções você pode aplicar com a ajuda do Marketing Educacional. O desprezo que os sites têm por esse fator talvez seja sua maior fonte de lucro. Investindo nisso, você poderá se tornar um líder de vendas no seu segmento. Portanto, comece a aplicar já as funcionalidades que alavancarão as suas vendas.

Considere também ler as 7 ferramentas essenciais para um e-commerce de cursos de sucesso.

FIQUE ATUALIZADO!
Insira aqui seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!